O médico Victor Sorrentino, que foi detido no Egito após ter postado um vídeo no qual diz palavras de cunho sexual a uma vendedora muçulmana, fez seu primeiro pronunciamento público após voltar ao Brasil. Em uma live postada na noite desta terça (8) no Instagram, onde tem 932 mil seguidores, ele pediu desculpas por ter divulgado o vídeo em que expõe a mulher, disse q...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários