Desde julho, a China está administrando vacinas experimentais contra o coronavírus a grupos que enfrentam alto risco de infecção, disse uma autoridade da saúde à mídia estatal. Nenhuma vacina foi aprovada em testes finais em grande escala que mostrem que ela é segura e eficaz o suficiente para proteger as pessoas de contrair o vírus que já causou quase 800 mil mo...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários