Um ataque suicida em um campo de refugiados em Al-Anbar, no oeste do Iraque, deixou ao menos 14 mortos ontem, informaram fontes médicas e policiais. Outras 13 pessoas ficaram feridas. A maior parte das vítimas era de mulheres e crianças. Entre os mortos, estão policiais, um deles capitão. Nenhum grupo reivindicou a autoria do atentado, similar a outros realizados freque...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários