O governo brasileiro negou nesta segunda-feira (23) ter tido participação em um ataque a uma unidade militar venezuelana na fronteira com o Brasil. Autoridades da Venezuela acusaram, na véspera, o governo do presidente Jair Bolsonaro e paramilitares colombianos de terem agido na ação, que resultou na morte de um militar do país vizinho. Em uma mensagem no Twitte...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários