"Aquele negócio começou de manhã, entre 9h e 10h. Eu já estava aqui no consultório", lembra o médico Ivan Fairbanks Barbosa, 80. Eram 8h46 em Nova York (uma hora a menos em relação ao fuso de Brasília) quando o primeiro Boeing atingiu a torre norte do World Trade Center, entre os andares 93 e 99. O filho de 30 anos do médico, Ivan Kyrillos Fairbanks Barbosa, estava...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários