Palcos tradicionais da cidade como o Centro Cultural Martim Cererê e Centro Cultural UFG voltam a ser ocupados por artistas e bandas das mais variadas vertentes musicais escalados na edição 2020 do Vaca Amarela. A diferença desta 19ª edição do festival de música independente será a ausência do público. Em tempos de pandemia, a maratona musical que começa nesta segund...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários