Todo cantor passa por uma virada na carreira e a do goiano TomChris foi na época da participação da seletiva da última edição do programa Fama, da Globo, em 2005. Incentivado por um amigo, ele fez sua inscrição e ganhou uma sugestão de nome artístico. “Não dava para usar o de batismo, Cristiano Pereira da Silva”, lembra. A ideia foi incorporar “Tom” de música c...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários