Isolados, sim, sozinhos, nunca. Psicólogos são favoráveis ao uso da internet para aproximar as pessoas, diminuindo saudade, angústia e solidão. “Faça ligações de vídeo, converse com quem você ama, que hoje não pode abraçar. Quando vemos a pessoa provoca-se o entendimento no cérebro de que ela está próxima. Um eu te amo tem mais peso falado que escrito”, diz a psicóloga Ana Paula Matias.

É o que incentiva também a psicóloga Jéssica Amorim. Para a especialista, o contato nesse momento é importante para a saúde mental. “O isolamento precisa ser físico, mas não de fato social. Uma dica é resgatar o amigo que você não conversa há algum tempo, compartilhe sua rotina, converse sobre como você está se sentindo, ofereça ajuda e evite assuntos alarmistas e terroristas”, aconselha