A escritora polonesa Olga Tokarczuk precisou encostar o carro que dirigia por uma estrada alemã para conseguir absorver a notícia: tinha acabado de ganhar o Prêmio Nobel de Literatura. Aos 57 anos, ela era a quarta colocada nas casas de apostas, e perdia para Anne Carson, Margaret Atwood e Maryse Condé na preferência dos apostadores, mas conquistou os membros da...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários