Apontado por críticos como produção do ano, já era certo que o coreano Parasita levaria a estatueta de Melhor Filme Internacional. O que ninguém esperava é que Bong Joon Ho deixaria o Teatro Dolby, em Los Angeles (EUA), também como o Melhor Diretor e Melhor Filme. Mais uma vez, um forasteiro entra em Hollywood e deixa sua marca - assim como fez no ano passado Alfonso C...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários