Até 1894, quando o bacteriologista franco-suíço Alexandre Yersin conseguiu identificar e catalogar o bacilo que causava a peste bubônica – batizado, em sua homenagem, de Yersinia pestis –, a humanidade pouco sabia de alguns dos maiores traumas que havia sofrido ao longo de sua história e que mudaram seus destinos. Na Antiguidade e na Idade Média, civilizações ruír...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários