Um passeio pela sala da casa do biomédico Marcos Antônio Ferreira, 49 anos, diz muita coisa sobre sua origem antes mesmo do primeiro dedo de prosa. Uma viola caipira logo de cara chama atenção, assim como uma manivela de um antigo descaroçador de algodão, herança de família, que atrai ainda mais olhares à decoração. Os objetos interagem com os móveis, porta-retratos...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários