O sobe e desce do câmbio tem influência direta na constância ou não de atrações internacionais nos palcos do Brasil. Apesar de há algum tempo o dólar estar nas alturas e o mercado de shows em crise – não foram raros os cancelamentos de apresentações de estrelas gringas –, o ano que começa tem tudo para ser bom para quem curte ver seus astros e estrelas em performan...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários