A primeira e a última obra produzidas pelo artista frei Nazareno Confaloni (1917-1977), um dos pioneiros da arte moderna em Goiás, estão na exposição individual Memorial Frei Confaloni – Eterna Gratidão, que marca nesta sexta-feira(10), às 14 horas, a abertura do Museu Frei Confaloni. O novo espaço cultural fica dentro do prédio da Estação Ferroviária de Goiâni...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários