A criação de um polo cervejeiro em Pirenópolis começou a ganhar forma em 2015, quando representantes da Universidade Estadual de Goiás (UEG) e empresários cervejeiros reuniram-se após o 1˚ Piribier para discutir maneiras de incentivar o setor. O resultado foi a assinatura da Carta de Pirenópolis, primeiro passo para a criação do Núcleo de Estudos da Cerveja, que integr...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários