O Ministério Público Federal (MPF) no Rio de Janeiro decidiu abrir um inquérito civil para investigar a suspensão de edital com séries de temas LGBT, que já recebeu críticas do presidente Jair Bolsonaro (PSL). As produções audiovisuais seriam produzidas para serem veiculadas por TVs públicas. Segundo o que foi divulgado, “o MPF avalia que tal ameaça ou discrimi...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários