O que não faltam no quintal da aposentada Maria Auxiliadora Barbosa Salazar, de 73 anos, a vovó Dorinha, como é conhecida, são plantas ornamentais. Em pouco mais de 30 metros de espaço no Setor Sudoeste, ela mesma plantou em casa roseiras, samambaias e pingo de ouro. “Tenho uma relação de afeto com esse lugar. Muitas vezes penso que estou em um sítio porque escuto os p...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários