Samara Felippo, 42, afirmou que a sua filha caçula, de oito anos, foi vítima de racismo na escola. Em live no Instagram nesta segunda (13), a atriz contou que sentiu taquicardia no momento em que a menina contou o que tinha acontecido. "A [nome da menina] veio me relatando que um amiguinho dela chamou ela de negrinha chata: 'ah, sua negrinha chata'. Só que ela ve...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários