Imagine escrever um romance que vendeu mais de 165 mil cópias, ganhou os principais prêmios literários do País e pautou redes sociais de forma quase sem precedentes na literatura brasileira contemporânea. O que você faz depois disso? E o medo de virar um autor de um livro só? Itamar Vieira Junior coça atrás da cabeça antes de responder. “Sempre fica esse an...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários