O pai de santo carioca Roberval Uzêda, conhecido como Pai Uzêda, ganhou cinco minutos de fama ao subir no palco da convenção nacional do MDB para abraçar o presidente da República Michel Temer, benzer o político e "tirar os trabalhos de macumba" contra ele, no dia 19 de dezembro. #mc_embed_signup{background:#fff; clear:left; font:14px Helvetica,Arial,sans-serif; } ...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários