Em um País com baixos indicadores de leitura, criar o hábito de ler em voz alta desde a primeira infância é ideal para se desenvolver uma sociedade de leitores. Na casa da produtora cultural Fernanda Assis é a pequena Áurea que pede para a mamãe ler sempre que pode. “Ela mesma pega o livro e pede, do jeito dela. Muitas vezes a vemos colocar as bonecas sentadas e cont...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários