Representante oficial da Hungria no Oscar 2020 de melhor filme internacional, o drama Aqueles que Ficaram, do diretor Barnabás Tóth, estreia nesta quinta-feira (26) em Goiânia. Se vencer, será a terceira estatueta para o País, que já venceu com Filho de Saul (2015) e Mephisto (1981). Aqueles que Ficaram toca em uma ferida ainda aberta: o Holocausto. A adolescente Klara (Abigél...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários