Já dizia a marchinha carnavalesca: “Você pensa que cachaça é água? Cachaça não é água não”. Brincadeira à parte, o refrão cai como uma luva no alerta feito por médicos, nutricionistas e nutrólogos diante da movimentação da cidade que pipoca com a proximidade do carnaval. É que, além “da cachaça vir do alambique e a água do ribeirão”, a última, entre outras cois...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários