Soltos no mundo

O canto da ave noturna, quase um lamento, a fez estremecer na escuridão do quarto. Lá fora, a vida selvagem, quantos perigos e descobertas? Agradeceu a segurança e o conforto que a civilização conferia a sua existência. Mas invejou a liberdade.

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários