Seja feita sua vontade

Diante da página em branco, eu ponderava: conto ou não? Melhor não, vão surgir pedras de tudo que é lado. Acontece que fazendo uso de sua soberania, esperto como um passarinho, meu pensamento saltou pela janela de minha clausura, bateu suas asas…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários