O Cerrado

Passei mais de dez dias em Pirenópolis, inclusive o fim de semana de carnaval sem carnaval. Sempre que por alguma razão eu saía de casa, com todas as precauções, via muita gente nas ruas. Não tanta como em outros anos, mas, ainda assim, muita gente.

Palpável e…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários