O grupo musical sul-coreano BTS se pronunciou, nesta terça-feira (30), contra os ataques e racismo a asiáticos que vem acontecendo durante a pandemia, nos Estados Unidos. Em carta aberta, um dos maiores fenômenos da música atual afirmou: "Todos nós temos o direito de ser respeitados". "Enviamos nossas mais profundas condolências àqueles que perderam seus entes querid...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários