Os benefícios das lives são muitos: além do espectador ter a capacidade de interagir com os artistas por meio de mensagens e conversas, as gravações ficam disponibizadas digitalmente para serem assistidas a qualquer hora. Contudo, com tantos recursos disponíveis, até que ponto a internet aguentará o boom de acessos? A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) solicitou medidas às operadoras de telefonia e internet em meio à crise do coronavírus.

A agência reguladora orientou as empresas a aumentarem a capacidade da internet para consumidores e que forneçam prioridade de atendimento para serviços de utilidade pública, como hospitais. A Anatel também solicitou que acesso à comunicação do Ministério da Saúde seja feita sem cobrança de franquia de dados, como o uso do aplicativo Coronavírus – SUS.