O comediante Whindersson Nunes é o típico humorista nascido junto ao boom digital. Do Piauí, o artista começou a fazer vídeos para seu canal no YouTube quando ainda tinha 15 anos. No início, queria apenas testar piadas e conquistar likes. O resultado foi uma avalanche de seguidores. Hoje, aos 24 anos, o piauiense acumula esquetes nas redes e shows em palcos de todo o País. O comediante apresenta o seu mais recente stand up Whindersson em Seu Misterioso Show, neste sábado, às 20 horas, no Ginásio Goiânia Arena.

Whindersson aproveita as piadas da web para levar às apresentações um tom mais pessoal e próximo do público. O humorista fala sobre a sua vida, histórias de bastidores, família, o relacionamento com a cantora Luísa Sonza, com quem é casado desde o ano passado, as relações virtuais e as frias nas quais já se enfiou.

O comediante ficou afastado dos palcos nos últimos meses após passar por um tratamento contra depressão. Em desabafo na internet, afirmou aos seus seguidores que passava por um quadro de tristeza profunda fazia alguns anos, que tinha medo de decepcionar os fãs e que já não sentia tanta vontade de viver. Agora, de volta aos palcos, praticante de ioga e com diversos projetos à frente, avisa que o humor é e será sempre o melhor remédio.

“Fazer humor é olhar a vida de uma forma diferente, uma forma de não pensar em mais nada. Quando estou no palco, esqueço de tudo e me entrego totalmente ao meu público”, afirma Whindersson em entrevista ao POPULAR. O piauiense prepara-se para lançar um aplicativo para conectar pessoas que sofrem de depressão com terapeutas e psicólogos que possam ajudar por meio de serviços voluntários.“Eu estou de cabeça nesse app. Recebi tanto carinho nas ruas, tanto apoio. É a minha forma de agradecer”, avisa.

Ainda não há uma data para o lançamento do aplicativo, mas a previsão é de estar funcionando até o final do ano. Enquanto isso, o comediante percorre diversas capitais brasileiras com seu novo show. Whindersson também está em cartaz na Netflix com o stand up Adulto, em formato de apresentação ao vivo, gravado em 2018 em Fortaleza (CE), onde fala sobre seu começo humilde e uma série de histórias engraçadas. “A repercussão do filme está sensacional. Pessoas ligam o tempo todo, mandam mensagem.”

Política

Em tempos acalorados de polarizações políticas, como no caso do comediante Gustavo Mendes, que discutiu com pessoas no meio do show em Minas Gerais após fazer piadas sobre o presidente Jair Bolsonaro, Whindersson prefere não se embrenhar por caminhos espinhosos. “Eu evito esses temas. Falo de muita coisa e nem chego perto de política”, conta o artista.

Sobre as diferentes formas de fazer humor, o comediante diz que as pessoas estão mais críticas, aprendendo mais sobre os direitos conquistados. “Mas o que era engraçado ontem ainda é engraçado hoje dependendo da abordagem que podemos dar”, explica. Em seu novo show, por exemplo, Whindersson ri mais de si mesmo do que do outro, como forma de espantar os fantasmas do passado. Também explora o formato virtual que tanto o consagrou. “Com as redes, eu consigo interagir, saber o que o público curte ou não. É instantâneo”, confessa.

Stand up: Whindersson Nunes em Seu Misterioso Show

Data: Sábado, às 20 horas

Local: Ginásio Goiânia Arena – Av. Fued José Sebba, Jardim Goiás

Ingressos: De R$ 60 a R$ 160, dependendo do local das cadeiras. Há ingresso solidário, mediante a doação de 1 kg de alimentos não perecíveis

Informações: 4141-22700