Google, Facebook, sites de notícia... A internet é isso tudo, mas muito mais! Além de entretenimento e meio de informação e comunicação, a rede de computadores tem proporcionado uma renda extra ou mesmo se tornado o ganho principal de muita gente. Mas nada é tão fácil quanto parece. É preciso estar de olho nas novidades deste ambiente virtual e se profissionalizar para conseguir mais seguidores, consumidores e aumentar os lucros. 

Veja aqui dicas para vender pelas redes sociais
 
Professor do Ipog, especialista em mídias sociais, em marketing digital e em comportamento do consumidor e pesquisa de mercado, Fred Pacheco reforça que ganhar dinheiro pela internet requer muito empenho, como acontece em qualquer outra iniciativa. “Não é mágica. Nunca houve, não há com a internet e nunca haverá na sociedade capitalista uma forma de ganhar dinheiro sem esforço ou riscos”.
 
Para ele, é preciso pensar nas oportunidades de trabalho pela internet e observar vantagens e desvantagens. O retorno financeiro, um item que interessa à maioria, depende de cada pessoa, do tempo e do negócio escolhido. “Pode ser desde uma ocupação de tempo integral até um complemento de renda, após o expediente de trabalho ou mesmo uma atividade de finais de semana”, pondera. Veja quatro opções para aumentar a renda sem sair de casa. 

"Se a empresa não explica bem do que se trata, fuja na hora"
1. Franquia home based
É uma opção de franquia e trabalho em casa. Para o analista do Sebrae Francisco Lima Júnior, enquanto para uma loja tradicional a escolha do ponto de instalação pode influenciar no sucesso de uma empresa, no e-commerce, o risco dessa escolha é substituído pelas escolhas da plataforma da loja e dos canais de interação com os clientes. 

A orientação do professor Fred Pacheco é analisar as franquias home based como o empreendedor faria com uma franquia convencional. “Existem muitos esquemas de pirâmide disfarçados de franquias pela internet. Por outro lado, há boas oportunidades, com benefícios como trabalhar de casa, não perder tempo no trânsito e ficar mais com a família. O importante é analisar bem, pesquisar muito sobre a empresa e o modelo de negócio, ver se ele se adequa bem para você e conversar com outros franqueados. Se a empresa não explica bem do que se trata, fuja na hora”, diz.

Exemplo de home based: a trabalhadora quer aproveitar a hora do almoço para fazer a unha, mas não tem tempo de ir até o salão mais próximo e aquela manicure conhecida não tem horário disponível. É só entrar em contato com a franquia especializada em oferecer serviços de manicure e a profissional vai até o local e horários marcados. Ou seja, com a franquia home based, você não precisa montar uma estrutura completa de salão de beleza.
 
A dica é encontrar algum nicho pouco explorado
2. Sites de vendas de artigos usados 
Muita gente que deseja vender algo, usado ou novo, tem utilizado sites como OLX, Enjoei e Mercado Livre. As estratégias podem variar desde a venda de produtos que não se encontram em lojas físicas por um preço acima do valor de mercado ou, no caso de produtos encontrados com facilidade, por um valor mais atrativo para fidelizar os consumidores. A dica é encontrar algum nicho pouco explorado. Depois, tendo produto e público-alvo, é hora de investir na divulgação. Anuncie nos sites e aproveite o potencial das redes sociais.  

"É possível que um ‘freela’ do Brasil atenda a um cliente na Índia"
3. Freelancer pela internet
Prestar serviços de freelancer pela internet pode ser um bom caminho. O analista do Sebrae Francisco Lima Júnior afirma que a escolha de uma linguagem adequada na comunicação com o cliente, a disponibilidade de várias formas de pagamento e a agilidade na comunicação e na entrega são fatores importantes para uma boa reputação. O professor Fred Pacheco ressalta que o trabalho virtual derruba barreiras geográficas. “Assim, é possível que um ‘freela’ do Brasil atenda a um cliente na Índia”. Para quem é bom em criação de conteúdo web, por exemplo, está aí a dica. Se o interesse é por um trabalho com carteira assinada, fique de olho em algumas empresas, como a companhia aérea Gol, que oferecem vagas para trabalho home based

O importante é conseguir atrair as pessoas com informações relevantes
4. Criação de blogs, vlogs e vídeos no youtube
Os blogs e a criação de vídeos para o Youtube tiveram um boom há alguns anos, mas ainda há espaço para quem quer produzir conteúdo na internet. Primeiro, você deve decidir sobre o que falará. Uma dica importante é não se desviar do tema escolhido. Por exemplo, se é um advogado, você pode comentar as leis de forma mais fácil e assuntos jurídicos da atualidade. Se acabou de ser mãe e quer dividir a experiência com outras pessoas, que tal começar a divulgar? O importante é conseguir atrair as pessoas com informações relevantes.