Só de falar no assunto, muita gente já deve torcer o nariz, pensado: “nossa, que nojo! Como assim a saliva é arma da sedução?” Eu pensaria: “ai que delícia!” Gente, um bom beijo é ótimo! A paquera pode ser boa, mas se não rolar química durante o beijo, aí esquece. E a excitação normalmente começa justamente por causa dos beijos que, nesse caso, quanto mais molhados, melhores. 

A saliva é um fluido de muito valor. Digamos que ela nos dá a vida. Ela faz toda a diferença principalmente quando passamos por situações de estresse, ansiedade ou em outros momentos que chegamos a dizer: “estou com a boca seca”. Você alguma vez se lembra de ter passado por isso? Quem controla todos os nossos impulsos no nosso corpo é o sistema nervoso, que lida inclusive com a produção salivar e a liberação dos hormônios do prazer durante as relações amorosas e afetuosas, como norepinefrina e dopamina.

O homem pode, inclusive, excitar a mulher por meio do beijo. Isso porque a tão famosa testosterona, um dos hormônios masculinos, é passada por meio da saliva. Sabiam que está sendo desenvolvida, nesse sentido, uma espécie de "pílula azul" para nós, mulheres? É que ela deve trazer algumas substâncias que prometem aumentar a libido e o prazer sexual feminino. E a saliva masculina, digamos, contém certa quantidade de testosterona, um potencial estimulante natural para nós. 

E já que a saliva é uma arma tão poderosa, excitante, é preciso saber cuidar desse fluido corporal. Água é o principal ingrediente da nossa saliva.  Beba água, muita água, mas beba ao longo de todo o dia. Não espere ficar com sede. A sede é um sinal que o corpo já está desidratando. Não é péssimo quando você conversa com a boca seca? Então, adote essa atitude. A vida saudável, com atividade física que lhe dê prazer, e alimentação equilibrada, rica em alimentos fibrosos como frutas e verduras, fazem parte do processo do prazer. Porque tudo que lhe deixa melhor, que aumenta sua autoestima, vai lhe deixar mais segura em todos os pontos, inclusive na sua vida sexual. 

Motive-se, trace metas, tenha uma musa que você possa se inspirar. Siga no seu ritmo, mas siga leve, tranquila, confiante e cheia de energia. Com certeza isso pode te ajudar a ter uma boa produção salivar. E já sabemos que “babar” de prazer e amor, nesse caso, é esbanjar muita saúde.

*Karyne Magalhães é cirurgiã-dentista, habilitada em Halitose e Laserterapia, membro da Associação Brasileira de Odontologia (ABO-GO) e da Associação Brasileira de Halitose (Abha).