Na face, os lábios são os que cantam: "e todos dançam, pegam, esticam e puxam. E viva a festa". E para movimentar a "cortina do sorriso", é preciso uma imensa sintonia entre toda a "orquestra" muscular. E esse "baile" depende de diversos movimentos, como abrir e fechar a boca, assoprar, apreender o alimento, conversar, bocejar, rir, mandar beijos, fazer biquinho e, claro, beijar e sorrir.

Os lábios dizem muito sobre o nosso estado de felicidade, nervosismo e ansiedade. Mas eles também mostram se estamos desidratados, com febre e até anêmicos. Cuidar bem da porta de entrada da saúde é fundamental. E não vale vir com desculpas sobre não ter tempo. Aqui vão algumas dicas simples e efetivas de cuidados com os lábios. Confira:

Hidratação

Todos os dias, nem que seja pelo menos uma vez, preferencialmente antes de dormir, passe um bom hidratante labial com vitamina E e dexpantenol. Os mais usados pelos meus pacientes são: Bepantol Derma Labial e Cicaplast Lábios. Ambos têm preços acessíveis e duram um bom tempo.

Esfoliação

Renovar a pele dos lábios pode ser necessário quando eles estão descamando. Porque além de ficarem feios, quando estão assim eles não valorizam o batom. Mas o pior é aquela pelezinha que se desprende dos lábios. Ela pode ficar acumulada sobre a língua e favorecer o mau hálito. Já imaginou lábios ressecados e um hálito nada agradável? Se eles estiverem sangrando, você precisa redobrar o cuidado. Pelo menos, até eles se fortalecerem. Isso porque os microrganismos podem penetrar por essas "brechas" e trazer transtornos a saúde. Para esfoliar, use um pouco de mel com açúcar. Passe a mistura delicadamente sobre os lábios, eliminado as células mortas. 

Hidratação sistêmica

Beba bastante água para deixar o seu organismo hidratado. Um bom cálculo é de 50 ml de água a cada quilo de peso corporal.

Assimetria labial e sorriso gengival

A toxina botulínica, conhecida como Botox, é a nossa grande auxiliar. Um bom cirurgião-dentista manejará bem o controle da musculatura facial que muitas vezes te impede de sorrir.

Lábios finos e desproporcionais

O ácido hialurônico é efetivo e seguro para corrigir as imperfeições, tendo elas aparecido em decorrência da idade ou não.  Ele dá o up que a gente precisa. E como os lábios e o sorriso são o centro de atenção da nossa face, é preciso bom senso ao desejar o excesso. Não adianta sonhar com a boca da Jolie, se ela não cabe na sua face.

Lesões nos lábios

O herpes simples e a queilite angular (inflamação do canto da boca) são as lesões mais frequentes nos lábios. Ambas têm tratamento. É necessário cuidados para não transmitir o herpes. Tanto ele, como a queilite incomodam, mas podem ser tratados com a terapia fotodinâmica antimicrobiana e a laserterapia.

Dentes

De nada vai adiantar estar com lábios lindos e sedutores se dentes e as gengivas não estiverem saudáveis. E estou falando mesmo de saúde. Seus dentes não precisam estar completamente alinhados e tampouco brancos demais para que o seu sorriso seja considerado lindo. Lindo é você gostar de você. Se aceitar pelas diferenças, sorrir com segurança e ser feliz. 

Esse assunto te interessou? Então passeie pelo blog Da Boca Pra Fora. Ele está recheado de dicas como essas.

*Karyne Magalhães é cirurgiã-dentista, habilitada em Laserterapia e qualificada no tratamento da Halitose, vice-presidente da Associação Brasileira de Halitose (Abha), membro da Associação Brasileira de Odontologia (ABO-GO) e membro da Sociedade Brasileira de toxina botulínica e implantes faciais (SBTI). Acesse karynemagalhaes.com.br e botoxgoiania.com.br.

Os comentários publicados aqui não representam a opinião da plataforma e são de total responsabilidade de seus autores.