Poucas coisas mexem tanto com a nossa autoestima como o cabelo. Talvez por isso, uma das queixas mais comuns em consultórios dermatológicos seja a calvície, que pode afetar homens e mulheres. Nelas, o problema é tecnicamente conhecido como alopecia androgenética feminina. A doença pode ser causada por alterações no ciclo do cabelo em função de gestação, por alergias, hábitos ou decorrente de outras disfunções. No entanto, de acordo com o dermatologista Luiz Fernando Fleury, além do tratamento clínico, a mulher também pode recorrer ao tratamento cirúrgico, que é o transplante capilar.

O que é o transplante capilar?

É uma cirurgia usada para transferir o cabelo da própria pessoa, de uma área doadora (geralmente a região da nuca) para área receptora, ou seja, a região em que está faltando cabelo. O procedimento é indicado para homens e mulheres que sofrem com alopecia e rarefação de cabelo. 

Por que as mulheres são minoria na cirurgia de transplante capilar?

Há uma diferença no comportamento entre homens e mulheres. Geralmente elas buscam os consultórios para tratar a queda de cabelo, o que ajuda a prevenir a piora do quadro e reverter a doença. Já os homens buscam ajuda quando o problema já está instalado e, por isso, eles ainda são a maioria no transplante capilar. Mas claro que, havendo indicação, a cirurgia é sim adequada para as mulheres. 

Em que casos a cirurgia pode ser indicada para mulheres?

O transplante capilar pode ser indicado para alopecia feminina, rarefação e raleamento do cabelo, e para cobrir alguma falha pós-cirurgia ou cicatriz. Pode ser feito não apenas na cabeça, mas também na região da sobrancelha. É preciso ressaltar que não há a necessidade de raspar o cabelo para fazer o procedimento. Muitas mulheres deixam de buscar o transplante por medo disso.

Em quanto tempo o resultado pode ser notado?

O cabelo implantado cai com um mês e meio de cirurgia e começa a nascer com três ou quatro meses de procedimento. Os resultados aparecem aproximadamente um ano depois da cirurgia e a aparência dos cabelos é muito natural.

Como é o transplante capilar para as sobrancelhas?

É uma indicação muito boa para as mulheres. O procedimento ainda não é muito conhecido, mas tem sido cada vez mais procurado. As pacientes ficam muito satisfeitas de poder devolver fios delas mesmas para a região, já que muita gente só cobre o local com micropigmentação. Esse transplante pode ser feito em sobrancelhas que estão com falhas, cicatrizes, que apresentam perda de volume ou estão sem nenhum pelo. É uma cirurgia que exige técnica profissional específica, mas fica com um resultado muito natural. Inclusive, o procedimento pode ser feito em áreas com micropigmentação.