As alterações da pele são inevitáveis e, geralmente, estão ligadas ao processo de envelhecimento natural, que começa a surgir após os 30 anos, com aparecimento de rugas e linhas de expressão. “As chamadas linhas de expressão costumam aparecer nos locais em que o rosto é mais expressivo, como ao redor da boca, testa e olhos. No caso das rugas, existem dois tipos principais: as elásticas permanentes, resultado do envelhecimento genético e que podem ser agravadas por hábitos ao longo da vida, como exposição solar, e as gravitacionais que aparecem nas laterais do rosto, sendo causadas pelo impacto da gravidade na pele”, explica Thaís Carvalho, fisioterapeuta dermato funcional da Onodera.
 
Para evitar esses incômodos e diminuir a ação do tempo, a especialista separou quatro dicas simples que podem ser inseridas na rotina. Veja. 

Evite exposição prolongada ao sol 

A exposição solar é um dos principais inimigos da pele, portanto, use filtro solar mesmo em dias nublados e chuvosos.

Hidrate

Para prevenir o envelhecimento do local, use hidratantes concentrados e com proteção solar durante o dia. À noite, o indicado é usar um creme nutritivo rico em proteínas, vitaminas, minerais e ácidos. “É importante lembrar que a fórmula deve estar apropriada para cada tipo de pele”, diz a especialista.

Tenha hábitos saudáveis 

Assim como é prejudicial para a saúde em geral, o consumo excessivo de álcool e cigarro aceleram o processo de envelhecimento, pois retardam a produção do colágeno.

Aposte em tratamentos estéticos 

Além dos cuidados diários, os procedimentos estéticos ajudam a combater os incômodos. “Uma das técnicas mais modernas do mercado é o ultrassom microfocado, procedimento que gera um aquecimento que forma a produção de um novo colágeno na região tratada, criando-se o efeito lifting, ou seja, deixando a pele mais firme, resultando na suavização das rugas e reduzindo a flacidez. Outro diferencial é ter o tratamento em uma única sessão, visualizando os efeitos finais após 90 dias", finaliza Thais.