Meu nome é Idelma Ribeiro, sou aposentada, nascida em Brasília e, há 25 anos, morando em Goiânia/GO.  

Sempre gostei de interação, conversar, viajar, aprender, ensinar, conhecer outras pessoas, lugares, culturas e de estar rodeada de gente, o que ficou comprometido com a pandemia.   

O digital, para mim, foi uma supresa na qual estou aprendendo diariamente. Sempre tive perfis nas redes sociais, mas só usava para postar fotos, ler notícias e seguir meus amigos e familiares. 

Há um ano, sem ter como continuar ativamente no meu ritmo de vida, por conta da pandemia, comecei a parceber a tecnologia como aliada. Fiz alguns cursos online, que me trouxeram mais conhecimento, mas não me proporcionaram contato com ninguém. A necessidade de interagir crescia mais a cada dia. 

A partir disso, decidi participar mais ativamente das redes sociais, de uma forma em que eu pudesse interagir, ensinar e também aprender. Foi quando comecei a fazer perguntas de quase todo tipo de assunto no meu perfil: conhecimentos gerais, sexo, história, geografia, preferências pessoais, entre outros que ainda virão. 

No início, com um número pequeno de seguidores, poucas pessoas respondiam, o que foi aumentando gradativamente com o tempo. Eu passei, então, a responder essas pessoas, trocar ideias, me relacionar com as mesmas de um modo geral e, mesmo sendo virtual, vi que não estava sozinha.  

Essa interação me proporciona várias gargalhadas por dia e uma busca incessante por ensinar mais e, consequentemente, aprender. Acho que minha sede por conhecimento, comunicação e minha vontade de estar sempre rodeada de pessoas, é o que me faz ter prazer em estar, hoje, ativa nas redes sociais.  

As pessoas também passaram a gostar dessa troca, sempre de maneira muito natural. E agora, com um pouco mais de seguidores, as vezes nem consigo mais dar a mesma atenção que antes, mas procuro não deixar ninguém sem, pelo menos, uma figurinha. Essa é minha forma de demonstrar o quão grata sou por tê-los e o quanto eles têm me ajudado a passar por esse período difícil de maneira mais leve e divertida. 

Me acompanhe no Instagram e vamos juntos compartilhar nossas histórias: @idelmaribeiro_

Idelma Ribeiro