Capitaneado por um grupo de nove investidores, entre empresas do ramo de logística, de transporte, e de outros setores, o recém-lançado Global Park, em Aparecida de Goiânia, será o primeiro bairro empresarial com foco em empresas logística e distribuição. O empreendimento irá aproveitar o forte potencial logístico de cidade que compõe a Região Metropolitana de Goiânia e está situada no centro do País.

Localizado próximo à BR 153, ao anel viário e aos polos industriais de Aparecida, Daiag e Dimag, o empreendimento terá foco em empresas de logística, distribuição e transporte. Com uma área total de 1,8 milhão m², sendo 900.000m² para venda, o bairro empresarial será dividido áreas com metragens que variam de 2.800m² a 60 mil m².  Foi projetado com ruas largas, com caixas a partir de 15 metros, e asfalto 5 CM (CBUQ), ideal para manobras e rodagem de grandes veículos de carga como caminhões-cegonha, bitrens ou treminhões. O bairro empresarial terá ainda tecnologia de fibra ótica, além de completa infraestrutura urbana com água, esgoto, galeria pluvial e rede de energia, e ainda uma área verde destinada à preservação embrenhar de 365.000m².

O empresário José Carlos Vieira da Silva, que atua no segmento de distribuição, explica que de sua localização geográfica única, Aparecida tem condições de receber o tráfego de grandes veículos de carga vindos de várias partes do Brasil, através da BR-153. A ideia de fazer um bairro voltado para a logística visa justamente receber grandes volumes e fazer o fracionamento para demais cidades.

“Para veículos grandes como bi trens chegarem a cidades como Trindade, passando por rodovias  menores é muito difícil, imagine então transportar uma carga enorme para cidades do interior da Bahia, do Maranhão ou Pará. Então as empresas têm um ponto estratégico de distribuição e escoamento de seus produtos e as cargas são fracionadas” explica Emanoel.

Juntamente com ele, integra o grupo empreendedor do Global Park os empresários José Alvarenga, Wagner Cabral, Wanger Cabral, Reynaldo Solera, Graziela Solera, Reynaldo Solera Filho, Waldir Alves Pacheco, Welton dos Reis Cordeiro da Silva, Ruberley da Silva, Sérgio Ricardo dos Santos Araújo, Victor Hugo Alvarenga, Ester Panarello, Ana Paulla Panarello, Camargo Lins e Antônio Luis dos Santos Barros.

globola

l

a

Demanda

Victor Hugo Alvarenga, um dos sócios da Múltipla Log, uma das empresas investidoras e especializada na construção de armazéns e galpões no sistema built to suit, que é construir sob medida, afirma que o Global Park chega para atender a uma demanda crescente de empresa que querem se instalar em Aparecida de Goiânia, justamente para aproveitar a localização estratégica que a cidade oferece.

“Como somos uma empresa goiana especializada na construção de armazéns e grandes galpões, percebemos uma grande procura, por parte de empresas vindas de fora, querendo se instalar no município justamente por causa desta localização geográfica privilegiada da cidade. Devido a falta de áreas preparadas para receber essas empresas, resolvemos apostar num polo logístico e de distribuição”, revela. Segundo dados da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Aparecida, existem hoje mais de 240 empresas numa fila à espera de áreas para se instalarem na cidade.

O município de Aparecida de Goiânia está privilegiadamente localizado no coração do Brasil e servido por várias rodovias importantes, como por exemplo, a BR 153 ou Rodovia Transbrasiliana, via de escoamento de mais de 3,5 mil quilômetros, que liga o sul e norte do País, e segundo especialistas, é uma das poucas no território brasileiro preparadas para  receber o tráfego de grandes veículos de carga. A cidade também está próxima de importantes polos de consumo do País, como a 900 quilômetros de capitais como São Paulo e Belo Horizonte, a duas horas do Distrito Federal, a dois mil quilômetros de Belém do Pará.

Polo logístico

Para o empresário Camargo Lins, também um dos investidores do Global Park, o empreendimento traz para as empresas que irão instalar nesse novo polo empresarial de Aparecida, um enorme ganho num dos processos mais importantes da indústria e do comércio, o da logística. “De nada adianta investir na fabricação de um bom produto se não há como promover seu escoamento com rapidez e eficiência. Aparecida, por sua posição privilegiada e infraestrutura, é capaz de dar vazão para qualquer tipo de produto de qualquer tipo de empresa, e isso a custo bem mentor e com a facilidade de uma localização estratégica única entre todos os estados brasileiros”, destacou o investidor.

Para Camargo Lins, além da completa infraestrutura, localização privilegiada próxima a BR-153 e ao Anel Viário da Região metropolitana de Goiânia, as empresas que se instalarem no Global Park terão outra importante vantagem. “Nesse empreendimento, diferente do que ocorre nos polos empresariais ou industriais públicos, onde o lote é cedido em regime de comodato então sem escritura, o empresário é dono, e isso facilita porque a empresa irá investir num patrimônio seu, que poderá ser vendido, ou que pode ser usado para conseguir financiamento para expansão”, explica o investidor.