Se o esporte profissional tem visto cada vez mais campanhas de conscientização social, no futebol amador essas pautas estão latentes há mais tempo. Exemplos: existem times apenas com atletas trans; por muitos anos, foi na várzea que o futebol feminino resistiu; os campos de terra, muitas vezes, são o único lugar de inclusão, lazer e diálogo em comunidades; filmes já c...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários