Maior medalhista olímpico do Brasil, com cinco pódios, Robert Scheidt voltou a fazer história. O velejador de 46 anos garantiu índice para disputar a sua sétima Olimpíada, um recorde entre atletas brasileiros, ao terminar nesta terça-feira a sua participação no Mundial da classe Laser em 12º lugar, em Sakaiminato, no Japão. Desta forma, ele fechou a competição seis p...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários