O São Paulo adia definições importantes nos bastidores do futebol por causa da eleição presidencial, marcada para a primeira quinzena de dezembro. Com o fim da gestão de Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco, o departamento de futebol evita tomar decisões que impactem na administração seguinte. O clube negocia a prorrogação do vínculo de Juanfran, mas pretende estendê-lo s...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários