Na entrevista coletiva depois da derrota por 3 a 0 para o Palmeiras, em Avellaneda, na última terça-feira (5), o técnico do River Plate, Marcelo Gallardo, ainda tentava assimilar o tamanho do baque sofrido no jogo de ida da semifinal da Copa Libertadores. "Precisaríamos ter uma noite épica [para nos classificarmos], dessas que existem no futebol e que acontecem de vez...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários