Conquistar o acesso pelo Goiânia depois de uma década seria a realização de mais um trabalho que teria a marca Raimundo Queiroz. O dirigente, que foi presidente do Goiás entre 2003 e 2006, foi responsável por reestruturar o clube. Antes de montar o elenco do Galo, mobiliou a sede e concluiu parte do prédio da concentração na Vila Olímpica, em Aparecida de Goiânia. Tudo isso, ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários