Certamente, o fato mais polêmico do futebol mundial, nos últimos dias, foi o entrevero entre o uruguaio Cavani e o brasileiro Neymar. A vitória por 2 a 0 do Paris Saint-Germain (PSG) sobre o Lyon ficou em plano secundário. A “guerra de egos”, como jornais batizaram o episódio criado pelos atacantes, no entanto, parece ter sido resolvida. Na vitória de ontem sobre o B...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários