A pouca idade - apenas 16 anos - frente ao desafio de disputar uma competição do tamanho de um Parapan foi algo que a goianiense Lethicia Lacerda precisou saber lidar na disputa de Lima.Representar o Brasil no tênis de mesa foi algo que a jovem, com uma deficiência genética ainda estudada pela medicina que afeta seus membros inferiores, reconheceu ter acelerado seu coraç...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários