Jesualdo Ferreira, 73, e Vanderlei Luxemburgo, 67, não eram os nomes planejados por Santos e Palmeiras para a atual temporada. Em dezembro, os rivais tinham outro treinador como sonho em comum: Jorge Sampaoli. “Fico lisonjeado, mostra que o Santos fez escola”, alfinetou o presidente do clube, José Carlos Peres, à época. Era uma mensagem direcionada ao rival na d...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários