Diante da rejeição do povo japonês pela realização da Olimpíada em Tóquio, a montadora de automóveis Toyota tomou a decisão de não circular mais nenhuma campanha publicitária relacionada ao megaevento. A empresa também disse, nesta segunda-feira (19), que o seu presidente, Akio Toyoda, não deverá comparecer à cerimônia de abertura. Fechada ao público em geral, a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários