Logo depois de conquistar o seu quarto título do US Open e alcançar a marca de 19 troféus de Grand Slam em sua carreira, Rafael Nadal estava tão exausto durante a cerimônia de premiação que exibiu até dificuldade em certo momento para concatenar as suas ideias. O cansaço não era para menos, pois ele precisou jogar 4h50min para derrotar o russo Daniil Medvedev por 3 s...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários