Mesmo com tantas andanças, derrotas em jogos decisivos e salários que nem sempre conseguiu receber, João Paulo jamais desistiu. Ele encarna um pouco do que o jornalista Euclides da Cunha citou na obra Os Sertões. “O sertanejo é, antes de tudo, um forte”.Foi com a força, a cara e a coragem de um filho nordestino que o ex-feirante deu uma guinada na carreira, ao conhec...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários