Teresópolis – Apesar do volante Fernandinho negar necessidade de ajuda externa para controle psicológico do elenco, a comissão técnica da seleção brasileira detectou que o principal problema do time é o estado emocional dos jogadores. O técnico Luiz Felipe Scolari, o coordenador Carlos Alberto Parreira e o auxiliar Flavio Murtosa concluíram que chegou a hora de ser menos coração e mais…

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários