O México surpreendeu e goleou, por 4 a 1, a poderosa França na abertura do Grupo A do futebol masculino da Olimpíada. O jogo aconteceu nesta quinta-feira (22), no Estádio de Tóquio.

Os gols mexicanos foram marcados por Vega, Córdova, Antuna e Eduardo Aguirre, todos no 2° tempo. O veterano atacante Gignac descontou, de pênalti, para os franceses, também na parte final do jogo.

Com o resultado, os europeus, atuais campeões do mundo, precisam de vitória no domingo, contra a África do Sul, para sonharem com uma vaga nas quartas de final.

Apesar das boas chances de gol, as equipes exageraram nas divididas durante o 1° tempo - ao todo, foram 16 faltas em 45 minutos.

A emoção, de fato, ficou para a etapa complementar. Logo depois do apito inicial, os mexicanos acertaram a trave em lance invalidado pela arbitragem por impedimento.

Aos dois minutos, no entanto, o primeiro gol do futebol masculino nos Jogos saiu. Lainez fez ótima jogada pela ponta direita e cruzou para o meio da área. Vega, bem posicionado, testou firme para o gol de Bernardoni e abriu o placar.

A vitória parcial não fez o México recuar, e aos nove, após pressão na saída de bola francesa, a bola sobrou para Córdova balançar a rede adversária pela 2ª vez.

Em meio à desvantagem, os europeus partiram para o ataque em busca do resultado. Aos 21 minutos, o jovem Kolo Muani sofreu pênalti de Montes. Gignac converteu e diminuiu: 2 a 1.

O ímpeto francês acabou quinze minutos depois, quando Antuna saiu da ponta para o meio e fez um golaço - o terceiro dos mexicanos.

Ainda teve tempo para Eduardo Aguirre, já na casa dos 45 minutos, decretar a goleada: 4 a 1.

No outro jogo da chave, o Japão derrotou a África do Sul por 1 a 0. O gol foi marcado por Kubo, aos 26 minutos do segundo tempo.

GRUPO B
A abertura do Grupo B da Olimpíada teve dois países saindo na frente. A Romênia venceu Honduras por 1 a 0, com gol contra de Oliva. Os europeus têm ao lado na liderança da chave a Nova Zelândia, que passou pela Coreia do Sul por 1 a 0. Wood fez o gol da seleção da Oceania.