O Liverpool surpreendeu nesta quarta-feira ao anunciar a contratação do zagueiro holandês Virgil van Dijk. Embora os valores não tenham sido revelados, o Southampton garantiu que se trata de uma cifra recorde para um defensor. A mídia inglesa especula que o jogador de 26 anos teria custado 75 milhões de libras (cerca de 330 milhões).

"O Liverpool pode confirmar que chegou a um acordo com o Southampton para a transferência de Virgil van Dijk", informou o clube, acrescentando que a transferência se completará no dia 1.º de janeiro, quando a janela será aberta, e o atleta vestirá a camisa de número 4.

Jogador da seleção holandesa, assim, Virgil van Dijk se tornou o zagueiro mais caro da história do futebol. "O Southampton aceitou um valor que será o novo recorde mundial para um defensor", publicou o próprio time vendedor. "O clube deseja o melhor para Virgil em seu futuro".

Depois de despontar no Groningen (Holanda) e atuar pelo Celtic (Escócia) entre 2013 e 2015, Virgil van Dijk se transferiu para o Southampton e teve sólidas atuações até ser especulado por grandes clubes do futebol europeu como Manchester City, Barcelona e Liverpool.

"Hoje (quarta-feira) é um dia de orgulho para mim e para minha família após me juntar a um dos maiores clubes de futebol do mundo", escreveu o atleta em suas redes sociais, ao lado de uma foto com a camisa do Liverpool, clube dos brasileiros Philippe Coutinho e Roberto Firmino.

Na última terça-feira, segundo informação publicada pelo jornal britânico The Guardian, Virgil Van Dijk estaria próximo de um acerto com o Manchester City. Mas o Liverpool se antecipou nesta quarta e fechou com o zagueiro.

A equipe, inclusive, fora denunciada anteriormente pelo Southampton por assédio ao jogador, o que levou a diretoria do Liverpool a fazer um pedido de desculpas oficial para evitar punições.